Menu

Cassinos no Brasil: será que vai ter liberação?

O tema da liberação dos jogos de azar no Brasil esquentou e arrefeceu de novo. Depois de dois anos de muito debate no Congresso, a aproximação de eleições ajudou a acalmar os ânimos. Será que o debate surgiu só devido à força dos “lobbies” do jogo e do turismo, ou será que tem uma mudança social e cultural mais profunda apoiando o cancelamento dessa proibição que vem de 1946?

A proibição favorece… o transporte aéreo!

A verdade é que o transporte aéreo vem sendo um dos grandes beneficiados com a continuação da proibição do jogo. O cidadão que pretende jogar em um cassino “físico”, ao não poder fazê-lo no Brasil, tem de pegar um avião. Os destinos são vários: pode ir até Punta del Este, que cresceu imenso com a afluência de turistas brasileiros e argentinos, ou pegar um voo até Foz do Iguaçu, bastando cruzar a fronteira para o Paraguai (Ciudad del Este) ou a Argentina (Puerto Iguazú), cujos cassinos foram construídos quase dentro de nossas fronteiras sabendo que estariam mais perto de seus potenciais clientes. Ou podem, claro, pegar um voo até aos Estados Unidos e conhecer Las Vegas mais de perto.

Cassino… físico?

Falámos em cassino físico exatamente porque, para muitos brasileiros, a proibição de cassinos e salas de bingo passou a ser apenas história. A partir de seus computadores e até de seus “smartphones”, eles podem acessar cassinos online como o JackpotCity casino online e jogar sempre que quiserem.

E a forma como o jogador brasileiro está acessando esses jogos poderá indicar uma mudança de opinião. O jogador estará deixando o perfil clássico que acredita que vencer a loteria é solução para todos os problemas, nem há notícias de jogadores estoirando fortunas para poderem jogar. Não estará o jogador brasileiro pronto para encarar os jogos de cassino como um simples divertimento social?

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *